braganeto1965@hotmail.com

braganeto1965@hotmail.com

quarta-feira, 5 de fevereiro de 2014

ABSTRACIONISMO


Todas as manhãs ao levantar, tenho a missão de expressar meu afetuoso agradecimento ao criador do universo, nosso Deus onipotente, já que não preciso pedir nada, porque o ser humano foi criado perfeito para não pedir e sim, agradecer ao dono do mundo.
A imperfeição vem do próprio homem.
Levanto para as primeiras horas de tarefa profissional, após um simples café da manhã.
Às vezes com pensamentos negativos, às vezes positivos, sigo minha trajetória rotineira, buscando aperfeiçoar meu dia, às vezes desafiando pessoas que encontro pelo caminho, com aquele tremendo mau humor.
Ah, mas o que me irrita mesmo é quando abro o Facebook e vejo o verdadeiro abstracionismo. Algumas pessoas que aceitei como amigo, postando lindas frases, pensamentos ou reflexões, querendo apenas dizer: “Faça o que digo, mas não faça o que faço”.
Se a prática fosse executada como os pensamentos impressionistas publicados, como manda o figurino, nosso mundo seria bem melhor.
A demagogia toma conta das redes sociais apesar de que os acreditados sonham que um dia o nosso mundo será libertado das imundices, das falcatruas, das desilusões.
É primordial ser especial para alguém, sem precisar usar a terceira pessoa, para se usufruir de momentos de diversão, com máscara ou pisando em ovos.
Não adianta tentar esconder o temperamento que já existe dentro de você, pois um dia poderá desmascará-lo e a verdadeira fantasia de espírito ser desvendada.
“Faça o que digo e faça o que faço”! Esta é a frase certa para alguém expressar o que quer dizer para alguém, sem farçanha, ou seja, sem abstracionismo. (((Braga Neto)))


Nenhum comentário:

Postar um comentário