braganeto1965@hotmail.com

braganeto1965@hotmail.com

quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

CIDADE DE ESPERANÇA: vereadores se reúnem em Sessão Extraordinária


O Poder Legislativo de Esperança que é formado por 13 vereadores, se reuniram em sessão extraordinária na tarde da última quarta-feira dia (28) para apreciarem o projeto de Lei Nº 001/2015 de autoria do Executivo Municipal que dispõe do aumento do piso salarial dos professores da rede Municipal, onde os salários são reajustados de acordo com suas classes e categorias.
A sessão foi presidida pelo novo presidente da casa Francisco Bezerra, vereador Adeilton Moreno (PSC), e contou com a presença de 12 dos 13 que tem assento na casa.
Não compareceu a sessão o vereador Adailton dos Santos (SDD).
O vereador Carlos André (PTB) disse que não concordava com a forma como o projeto chegava a casa, e que foi pego de surpresa, sem o conhecimento dos vereadores da Oposição, André chamou de desrespeito a casa e a os servidores, para o vereador o projeto chega de forma maquiada e sem transparência, e por isso ele não é favorável a aprovação do mesmo, e se absteve da votação.
A vereadora Cristiana Almeida (PSB) disse que essa prática já era esperada, e que esteve na casa a procura de uma cópia do projeto, coisa que foi negado pelo presidente disse a vereadora e pediu que constasse em ata, a parlamentar disse que o prefeito continua tratando o servidor com desrespeito e o mesmo acontece com os professores, a vereadora pediu que o projeto fosse revisado e que não fosse aprovado da forma que esta.
Cristiana Almeida solicitou que o presidente Amazan fosse mais sensível e analisasse melhor o projeto em discursão, em seguida fez criticas ao vereador que em seguida durante sua fala pediu mais respeito e que segundo Amazan o regimento da casa terá que ser cumprido.
Após as discursões o projeto foi colocado em primeira votação, e os vereadores Carlos André (PTB), Adílio Maia (PSL), Dui de Luziete (PSB), Joelmir Ribeiro (PTB) e a líder da oposição vereadora Cristiana Almeida (PSB) se abstiveram da votação por não concordarem com a forma como o projeto estava elaborado e pediu algumas mudanças, para que fossem feitas melhorias no mesmo, modificações essas que iriam valorizar mais os salários dos professores, segundo a vereadora Cristiana Almeida falta mais seriedade no projeto e que o mesmo fosse retirado de votação.
O vereador Divalcy Diniz (SDD) solicitou também que o mesmo fosse votado na próxima sessão e que o mesmo fosse analisado melhor.
Já Evandro Alves (PMDB) solicitou da presidência da casa que o projeto fosse retirado para uma melhor analise e as devidas correções para que os professores não fossem prejudicados.
Após uma longa discussão o presidente pediu uma pausa de dez minutos e em seguida retirou o projeto da pauta, e em seguida o mesmo poderá ser votado na próxima sessão ordinária a primeira do ano que deverá acontecer na próxima terça-feira a noite.
E por fim foi aprovado por unanimidade o projeto de lei Nº 002/2015 de autoria do vereador Nahim Galileu (SDD) que cria uma Praça de Taxi próximo ao Hospital Municipal de Esperança com cinco vagas para melhorar o atendimento a os pacientes que necessitarem de transporte naquela localidade.
(Joseilton Pereira-Andrade Notícias).

Nenhum comentário:

Postar um comentário