braganeto1965@hotmail.com

braganeto1965@hotmail.com

sexta-feira, 16 de outubro de 2015

Prefeitura de Patos é cercada pela Polícia Federal e tia do presidente da CPI da Petrobrás é presa acusada de fraude e desvio de oito milhões de reais


A tia do presidente da CPI da Petrobras, deputado Hugo Motta, foi presa na manhã desta sexta-feira dia 16, pela Polícia Federal, sob acusação de comandar fraude em licitações na Prefeitura de Patos, onde sua avó, Francisca Motta, é a prefeita.
Logo ao amanhecer a sede da prefeitura foi cercada por um comboio da polícia,Ministério Público Federal na Paraíba (MPF/PB), por meio da Procuradoria da República em Patos, o Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público Estadual (MPPB) e a Controladoria Geral da União (CGU e centenas de documentos foram apreendidos.
A prefeita Chica Mota esteve para ser presa também, mas um acordo teria evitado o constrangimento.
A operarão batizada de Dom Bosco, também aconteceu em outras cidades, mas foi em Patos que ela se originou e dos 21 milhões supostamente roubados, só lá teriam sido desviados 8 milhões e envolve a Papelaria Dom Bosco, Mix Mercadinho, Papelaria Patoense, além da empresa AMPLA, pertencente a Alexandre, filho de Bosco da Livraria (em memória).
(Blog do Dércio)

Nenhum comentário:

Postar um comentário