braganeto1965@hotmail.com

braganeto1965@hotmail.com

sexta-feira, 1 de abril de 2016

O LINGUARUDO


O PMDB descobre que cometeu uma burrada ir na onda de Michel Temmer e romper com a presidente Dilma, é o que conta uma matéria no Blog do Tião Lucena.
Os menos de três minutos em que o Diretório Nacional do PMDB aprovou, por aclamação, e não por votos, a ruptura do partido com o governo federal podem ter um efeito negativo prolongado para o vice-presidente Michel Temer, principal articular do desembarque.
O sentimento de líderes do PMDB contrários ao rompimento, neste momento, é de que o governo, com o que eles vêm chamando de "erro tático do Michel", pode conseguir os votos necessários na Câmara dos Deputados para arquivar o processo de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff.
Em reunião com a cúpula do partido na última quarta-feira (30), segundo apuração do Jornal do Brasil, o senador Jader Barbalho classificou a insistência de Temer no rompimento como "uma burrada, que nem serviu para esconder o racha do PMDB".
Mais informações, Tião Lucena tem no blog dele.

Nenhum comentário:

Postar um comentário