braganeto1965@hotmail.com

braganeto1965@hotmail.com

sexta-feira, 24 de fevereiro de 2017

AS RAPIDINHAS DA NOITE = (24/02/2017)


O governador Ricardo Coutinho (PSB) evitou, nesta sexta-feira (24), antecipar o posicionamento do Governo do Estado sobre a possibilidade de privatização da Companhia de Água e Esgotos da Paraíba (Cagepa). Em entrevista à imprensa, ele comunicou que está colhendo dados do órgão e prometeu “para os próximos dias” um posicionamento oficial. (Blog do Gordinho)
**********

Segundo informações do site Rede Mais Notícias e ao programa Comunidade em Foco da Rádio FM Flores de Jaçanã/RN, um assalto aconteceu na manhã desta sexta-feira (24), na agência dos Correios na cidade do Damião/PB. Conforme as informações, dois indivíduos armados chegaram em uma moto Brós e renderam o vigia, tomando sua arma. Os meliantes fugiram tomando destino ignorado. A quantia roubada não foi divulgada pelas autoridades. (Araruna Agora)

**********

Incompatibilidade na agenda do presidente da República Michel Temer (PMDB) e atrasos na finalização das obras da Transposição, adiaram a visita do chefe do executivo nacional em três dias à Paraíba. Temer viria ao Estado no dia 6 de março, uma segunda-feira, entretanto, o cerimonial do Palácio do Planalto remarcou a atividade do presidente na Paraíba para o dia 9 - uma quinta-feira. A programação do presidente segue a mesma da anterior. (Blog do Dércio)

**********

A vice-governadora do Estado Lígia Feliciano inspecionou, nessa quinta-feira (23), na cidade de Monteiro, as obras do Eixo Leste da transposição do Rio São Francisco. Ela esteve acompanhada por representantes do Comitê de Gestão da Crise Hídrica do Ministério Público da Paraíba (MPPB), Companhia de Água e Esgotos da Paraíba (Cagepa), entre outros órgãos. A chegada do Projeto de Integração do rio São Francisco em Monteiro deve acontecer no próximo dia 6 de março. (Cariri Ligado)

**********

O goleiro Bruno Fernandes, acusado pelo sequestro e morte de sua amante Eliza Samudio, foi solto nesta sexta-feira (24). A decisão de caráter liminar foi do ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF). Em 2013, Bruno foi condenado a 22 anos e 3 meses de prisão pela morte de Eliza, que aconteceu em 2010. (Fonte: http://www.srzd.com/brasil/stf-solta-goleiro-bruno)

Nenhum comentário:

Postar um comentário