braganeto1965@hotmail.com

braganeto1965@hotmail.com

domingo, 4 de junho de 2017

Reitor da UEPB nega demissões e diz que não aderiu ao Sisu por causa da greve


O reitor da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), professor Rangel Junior, negou que estivesse demitindo professores e fechando vagas do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) para 2017.2.
Ele disse que os professores substitutos tiveram contratos encerrados e aqueles com aditamento tiveram o prazo encerrado.
Com relação ao Sisu, ele explicou que há problemas no calendário por causa da greve de professores e servidores que já dura 50 dias.
“Fizemos um aditamento de prazo daqueles contratos indistintamente. Asseguramos os direitos de férias e de pagamento proporcional do 13º salário a todos os professores substitutos indistintamente. Inclusive aqueles que foram contratados em novembro”, frisou o reitor. “O que existe é que aqueles contratos que tiveram um aditamento de prazo até 12 de maio de 2017, aquele prazo se encerrou. E quando houve a deflagração de um processo de greve por tempo indeterminado, todos, indistintamente, deveriam ter consciência de que aqueles contratos se encerrariam em 12 de maio. São todos adultos, sejam eles dirigentes de sindicatos, sejam professores ou professoras substitutos e substitutas. Então todos sabem que o documento que assinaram tinha um prazo de encerramento daquele aditamento”, disse.

(Portal Correio)

Nenhum comentário:

Postar um comentário